terça-feira, 21 de outubro de 2014

Termina incêndio florestal em Petrópolis

Fernando Frazão | Agência Brasil
O Comandante do Corpo de Bombeiros Militar da Área Serrana do Estado do Rio de Janeiro, o Coronel Roberto Robadey, confirmou ontem à noite o fim dos focos de incêndios em vegetação em Petrópolis. Após a chuva que atingiu Petrópolis na noite de domingo, restavam apenas dois focos, um em Itaipava e outro no distrito da Posse. Os dois foram controlados e extintos pelos militares. 

No fim da noite de ontem (20), um novo foco surgiu no distrito de Pedro do Rio, bairro Barra Mansa. Moradores atearam fogo em um bambuzal à margem da Rodovia União Indústria.

Uma equipe do Destacamento de Itaipava se deslocou até o local e extinguiu o incêndio.

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Frente fria muda o tempo em Petrópolis

IMAGEM: REPRODUÇÃO DO CLIMATEMPO METEOROLOGIA
Uma frente fria avança sobre a Região Serrana do Rio e promete quebrar o bloqueio atmosférico que provocava a seca há mais de um mês. Após a chuva convectiva da madrugada, a seca diminuiu, mas o tempo continua abafado em toda a cidade. Nesta tarde de segunda-feira, há previsão de pancadas de chuva com trovoadas e rajadas de vento que podem chegar próximo dos 40km/h. 


No Primeiro Distrito

No Centro da cidade o tempo já mudou. Refrescou bastante. Termômetros, que chegaram a marcar 42ºC ontem, na Rua Bingen, hoje já baixou para os 24ºC. 


No Segundo Distrito

Em Cascatinha, na região mais baixa do distrito, ontem à tarde chegou a fazer 42ºC, em frente ao Terminal de Corrêas, por volta de 14h30. Hoje, o tempo está bem diferente no local, marcando 24ºC.

Em Itaipava


O calor de 40ºC que Itaipava registrou na tarde de ontem, diminuiu após a chuva da madrugada. Hoje, a máxima registrada foi de 30ºC, às 14h30. Mas a temperatura deve baixar, devido à chegada da frente fria.

Pedro do Rio e Posse

Em Pedro do Rio, a chuva foi bem rápida. Onde ontem fez 40ºC, hoje a máxima não passou de 29ºC. Já na Posse, uma das regiões mais quentes de Petrópolis, há relatos de que ontem fez 42ºC no distrito. Ontem a chuva no local não foi suficiente, não passando de 5 milímetros. Lá, não chove há dois meses. Hoje, a máxima chegou aos 34ºC.







terça-feira, 14 de outubro de 2014

PETRÓPOLIS É A 4ª CIDADE COM MAIS QUEIMADAS DO BRASIL

FOTO DE LUCAS ENTER - ITAIPAVA
Segundo dados do Centro de Previsões do Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/INPE), Petrópolis é a quarta cidade do Brasil com maior número de focos de incêndio nas últimas 48h. Queimadas se alastram e já atingem região de Teresópolis, Areal e São José do Vale do Rio Preto. 

Somente no Parque Nacional da Serra dos Órgãos - Parnaso, uma área equivalente a 300 campos de futebol já foi devastada. Há 30 brigadistas no local, aguardando a chegada de um helicóptero dos bombeiros, para ajudar no combate. 

Simultaneamente, equipes dos bombeiros, polícia civil e militar do Rio estão lutando contra outros focos na Pedra de Itaipava, em Pedro do Rio, na Posse e também em São José do Vale do Rio Preto. 

Ao todo, mais de 2500 hectares já foram destruídos pelo fogo.   

"Parece que o mundo vai acabar". Queimadas sufocam Petrópolis.

FOTO: ARTHUR VIEIRA


A cidade acordou sufocada. "Se o mundo está acabando, começou por aqui", declarou Lúcia Helena Santos, moradora de Araras, muito assustada com a atual situação da região. A fumaça tomou conta do ar, e impediu que o sol aparecesse em vários pontos de Itaipava.

Os incêndios florestais já destruíram mais de 2.200 hectares de vegetação em Petrópolis. Ao todo, foram mais de 400 focos de queimadas em toda a cidade. Mais de 130 homens, entre bombeiros, policiais civis e militares estão atuando nas áreas onde há fogo, junto a viaturas cedidas pelo governo do estado, e também aeronaves da polícia e dos bombeiros do Rio.
O ponto mais crítico é o Parque Nacional da Serra dos Órgãos, em Corrêas, onde vários animais foram encontrados carbonizados, e o incêndio não foi controlado.

Uma base de operações foi montada na sede do 2/15 Destacamento de Bombeiro Militar de Itaipava, de onde partem as viaturas e os helicópteros.

Áreas da Posse, São José do Vale do Rio Preto, Nogueira, Corrêas, Araras, Pedro do Rio e Itaipava foram as mais atingidas, segundo os militares.

Até o início da tarde de terça-feira (14), vários focos ainda estavam sem controle. A previsão é de que uma virada no tempo aconteça nas próximas horas, e alivie a situação até amanhã, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia. Porém, a quantidade de chuva pode não ser o suficiente para extinguir totalmente os focos. 


ITAIPAVA HOJE PELA MANHÃ - ARTHUR VIEIRA

CORRÊAS HOJE DE MANHÃ. CÉU COBERTO POR FUMAÇA - LUIZ CLAUDIO PONTE 

FOGO AVANÇA SOBRE PEDRA DE ITAIPAVA - LUCAS ENTER

BRIGADISTA EXAUSTO AO COMBATER INCÊNDIO NA SERRA DOS ÓRGÃOS - FOTO: PARNASO

AMANHECER COM TEMPO ABAFADO NA POSSE - ARTHUR VIEIRA

INCÊNDIO NA POSSE - ARTHUR VIEIRA

INCÊNDIO AVANÇA EM BAIRRO DA POSSE - ARTHUR VIEIRA

FOGO TAMBÉM EM SÃO JOSÉ DO VALE DO RIO PRETO - ROSANIA